ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Infraestrutura e Logistica

Portos do Paraná fecham 2013 com R$ 250 milhões em investimentos

Segunda-feira, 06 de janeiro de 2014


Os portos de Antonina e Paranaguá fecharam 2013 com um volume expressivo de investimentos em obras e projetos. São quase R$ 250 milhões aplicados em melhorias - R$193,4 milhões em ações em execução e R$54,2 milhões em procedimentos licitatórios.

Os investimentos dão aos terminais paranaenses condições de alcançar a excelência em gestão e de ofertar serviços melhores a todos os usuários. “Seguimos em busca da melhoria constante para oferecer um sistema moderno e eficaz com segurança às cargas e aos navios, além de transparência na gestão e nas operações”, diz o governador Beto Richa.

O secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, explica que, em 2013, o foco dos investimentos foi, principalmente, na gestão de projetos estruturantes de infraestrutura, onde estão sendo investidos aproximadamente R$ 24 milhões. Os destaques são os projetos executivos do novo Corredor de Exportação de Grãos do Porto de Paranaguá (píer em T); de Engenharia do Corredor Oeste (píer em F); e de Engenharia dos Granéis Líquidos (píer em L).

São projetos que, segundo Richa Filho, tendem a viabilizar a expansão do aparato portuário por meio de Parceria Público-Privada, mediante procedimento licitatório que deverá ser executado pelo governo federal.

BALANÇO – De acordo com o superintendente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Luiz Henrique Dividino, 2013 foi um ano marcado por conquistas.

“Passamos um período da nossa gestão elaborando projetos, que foram concluídos, licitados e, nos primeiros meses de 2014, teremos uma série de obras começando”, diz Dividino. “Com isso, requalificaremos a estrutura dos Portos do Paraná, com grandes ganhos e melhorias”.

Entre as conquistas, Dividino destaca a consolidação do sistema Carga Online, de gerenciamento do fluxo de caminhões na descarga de grãos no Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá, que, em 2013, serviu de exemplo para outros portos do País.

Outros destaques foram a alteração do sistema jurídico da Appa (de autarquia para empresa pública), a aprovação do novo quadro funcional dos portos e a nova campanha de dragagem.

Em 2013, foi assinado o maior contrato de dragagem que os Portos do Paraná já tiveram. São mais de R$114 milhões em investimentos. “Vamos oferecer mais segurança e melhores condições operacionais e nos posicionar, novamente, como os portos com melhores condições de manutenção e respeito aos usuários”, diz Dividino.

Mais destaques dos Portos do Paraná em 2013:

Programa de Infraestrutura Terrestre – destaque para a compra de quatro novos carregadores de navios (shiploaders), parte da modernização do Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá.

Programa de Investimentos em Tecnologia – destaque para o projeto ISPS CODE, novos equipamentos para controle de acesso de pessoas, veículos e cargas e melhoria da segurança.

Programa de Gerenciamento Ambiental - após dez anos, a Appa recebeu a Licença de Operação emitida pelo Ibama. Algo inédito nos portos do País

Porto de Antonina - depois de 40 anos sem investimentos na melhoria da infraestrutura, o terminal público do Porto de Antonina passa por reforma. O prédio administrativo e a guarita de controle foram revitalizados.

Fonte: Agência Estadual de Notícias

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Segunda à Sexta-Feira, das 08:00 às 11:30 e 13:30 às 17:00